segunda-feira, 23 de julho de 2007

Carta dum recém chegado.

Olá.
Escrevo-vos para dizer que cheguei.
Mal pus os olhos na rua larga cheia de sol, de casas quase todas de um ou dois pisos, com árvores ainda pequenas ladeadas de suportes e flores e onde algumas pessoas passeavam olhando para as montras, soube que este era o meu destino final.
Respiro bem fundo os aromas deste sítio e por um instante fecho os olhos.
Quero ter bem gravado na retina esta imagem para sempre e descobri-la sempre nova ao abrir do olhar.
Estou cá já há três dias.
Desta vez não farei como das outras anteriores!
Nos diferentes lugares onde vivi, percorri os sorrisos de todas as travessas, todas as ruas e largos.
Parei nos cafés e praças.
Conheci as pessoas uma a uma.
Apaixonei-me pelas pernas e olhos das mulheres e os seus corpos em sabores de silêncio e lençóis.
Bebi com os seus pais, irmãos, maridos e namorados.
Ouvi as histórias de uns e de outros. Tomei partido pelas misérias escondidas que os separavam e enterrei todo encanto das ruas largas dos dias das descobertas nas vielas mal cheirosas, tortuosas e escuras, que me haviam escapado nesses primeiros tempos.
Saí sempre enjoado e desencantado. Embrenhado nas desavenças, desavindo com muitos que me haviam devolvido os sorrisos da chegada, e desejando nunca te-los encontrado.
Agora, desta vez, tudo será diferente; tudo será sempre o esplendor do primeiro dia!
Jamais sairei desta rua principal.
Não quero saber se é uma cidade ou vila, aldeia ou um sonho. Nem sei bem onde estou, mas não irei espreitar no mapa os limites dos seus segredos.
De todos os rostos que se cruzarem com o meu, nem um só traço irei decorar.
Darei os bons dias às senhoras e voltar-me ei para mirar-lhes as pernas sem ter fixado um só pormenor dos seus sorrisos.
Não irei entrar nos cafés a perguntar pelas novidades nem darei o meu nome a ninguém.
Desta vez serei só o sol a passear-se em brilhos pela calçada a quem ninguém faz perguntas.
Desta vez serei só eu e o meu encanto.
Desta vez bastar-me á fechar os olhos neste quarto que tomei na pensão, limpa e de esplendores nas floreiras das janelas, cujo nome fiz por nem olhar e pertencente a uma mulher linda que se chama Luisa e que é divorciada.
Tem um filho ainda menor e o seu ex-marido é um sacana que quer vender a pensão para ficar com metade do dinheiro.
Ela já falou com o advogado do escritório ao fundo da rua principal, mas de quem está desconfiada estar feito com o seu ex.
O ex acusa-a de ter um namorado, um que tem um café mesmo ao meio da rua, mas ela diz que é livre de relacionar-se com quem quiser.
Esta manhã quando ia a descer, vi uma mulher mais velha a chama-la de puta e a insultá-la de andar a querer a desgraça do filho que precisa do dinheiro da venda da pensão para refazer a vida e que ainda antes que o tribunal decida, ela mesmo lhe tratará da saúde.
Calou-se quando me viu e saiu à pressa.
Dei os bons dias e saí para a luz do dia enquanto, já na rua, ainda ouvi o miúdo a perguntar à mãe o porquê da avó andar aos gritos...

54 comentários:

gasolina disse...

Tantas e tão prévias determinações para nada veres e já te foste perder na identidade da avó, do miúdo e até na da mulher que agora está livre.

!Es precioso!

Besitos, Carlos.

redonda disse...

Muito vivo e real.
Gostava de ir para qualquer lado nestas férias de onde pudesse escrever uma carta assim.

Palavras ao vento disse...

Gostei de ler esta tua carta.... Onde narras de uma tal maneira, que ao percorrer cada linha... Ia visualizando tudo!

Magnifico.

Bj da

Maria Valadas

triliti star disse...

pela fotografia, a rua é muityo agradável e limpa, compreendo que queiras por lá ficar.
as pessoas...
iguais, como sempre.

Um Momento... disse...

Ena!!
Para quem ia ser o sol a passear-se nas ruas...
Adorei a tua carta
Aliás... já deves saber que gosto imenso de todas as que li até agora...

Um beijo Sr Sol Passeante... Mas muito atento:D

Noite serena e um sorriso.. em Ti

Olhos de mel disse...

Primeiro quero dizer que fiquei super feliz com sua visita ao nosso site. As palavras que por lá deixou me emocionaram demais. Obrigada pelo carinho.
Essas suas cartas... olha de sem valor não tem nada. São maravilhosas. Conteúdos que nos impressionam pela narrativa.
Adoro vir aqui. Esse fato relatado, me reportou a alguns que conheço de perto. Infelizmente isso acontece mesmo.
Bjs.

Um Momento... disse...

Ahahahah
Respondendo-te do LMS
Nós optsmos mesmo por deixar o caro estacionado a uma distância que se pode dizer bastante grande:D
Para depois prosseguirmos a pé até ao dito
Nunca na minha vida desejei tanto não sair de casa .Foi incansável a procura... mas desistir... nada ... nem que apenas encontrássemos o dito BláBlá :D
Beijo a sorrir:D

Ana disse...

Acompanhei o teu passeio pela rua principal. Guiei-me pelos teus passos. Desconheço onde me levam... mas sigo-te.

C Valente disse...

Muitas conversas por ter, outras
nem pensar, um olhar que se perde
ou um sorriso que se ganha
Referente ao seu comentário direi:
Desculpa, mas isso é um pouco do que existe da mentalidade de portuguesinho esperto, não podemos só criticar os governantes, os oportunistas e outros, temos de olhar para nós, criticar será o mais fácil temos todos de contribuir e dar o exemplo, já que outros não o fazem.
Quanto ao episódio do hiper, o que está em causa não é o supermercado mas a pessoa que cometeu, o acto criticável, a situação da exploração das grandes superfícies, é tema para mais desenvolvimento e também muito e muito condenável
Saudações amigas

Charlie disse...

@Valente.
Meu caro amigo.
Falo com os olhos de quem não nasceu no país, com o distanciamento de quem conheceu este canto Luso já na fase final da adolescência.
Mantenho tudo o que disse o seu blog.
É um País sem autoridade moral para exigir educação e civismo ao povo já o que o exemplo não vem de cima.
Aliás, todos nós vemos como os golpistas e mal educados são multi-ultra-supermilionários.
Qual a mensagem que passa?
Vale a pena ser-se porco, o ser-se gente não tem valor.

gasolina disse...

Uma vez que estás longe, mando-te um postal da terra.
A selar um beijo meu com endereço de bom fim de semana.

Lumife disse...

VOU DE FÉRIAS! BOAS FÉRIAS!

Um abraço

Um Momento... disse...

:o))
Deixando um beijinho de um bom fim de semana
(*)

Menina do Rio disse...

Charlie, não tinha antenado ainda pro: Olha que coisa mais linda...Afff! Me emoconei! Gracias!!

Bom retornar depois de um tempo; é como rever a velha infância. A mesma praça, as mesmas flores no mesmo jardim. E é tudo como se fosse a primeira vez. Sinto isso quando vou à minha terra natal e as vezes me dá uma vontade de ficar por lá...

Beijinho

Bia disse...

Vim agradecer tua visita e fiquei por aqui me inteirando do teu blog do qual gostei muito justamente pela originalidade que apresenta. Tua forma de mostrar os sentimentos, as emoções, relacionamentos, enfim, teu jeito de ver a vida através de cartas, torna teu espaço altamente enriquecedor. Voltarei sempre!

Deixo-te pétalas de mimosas flores, um beijo no coração, e os votos de um domingo de sorrisos e paz.

Olhos de mel disse...

Passando pra deixar um beijo e desejar uma semana cheia de realizações. Fique com Deus!
Bjs

redonda disse...

Pois conhecereis vós o segredo para "postar" as fotografias e o texto tão bem? :)
Vou tentar descobrir isso do html...
Um beijinho e uma boa semana.

Anônimo disse...

Buenass!!

Li e gostei!
:-)

Quicas
http://quicas007.blogspot.com/

Anônimo disse...

Carlos: Quando é que começamos as aulas de portuñol?????
luz

Anônimo disse...

Aiiii meu Deus.......
A luz chegou aqui....

Ups...


Besito charlie chaplin...
Quicas

Charlie disse...

...Pues fija-te bien....:)
Con ese de Chaplin si que tiene el sabor a chiste...hhehehehee...;)
Besitos también para ti.
Si la luz llegó es porque le dió el cielo de herencia.

anne disse...

Encanta-me a tua narrativa, poucos conseguem retratar o quotidiano, retalhando a carne e a alma da gente, os aromas, as imagens, como tu, Charlie.
Parabéns mil. Há em ti, uma ilimitada capacidade de criação, e voltarei para ler mais uma bela história.
Fica bem como o teu encanto.
Beijo doce.

Menina do Rio disse...

Eu aqui de novo a andar por esta viela e deixar-te um beijo

por uma lágrima disse...

Passeei-me nessa praça florida, saboreando as tuas palavras, sentindo o aroma dos seus segredos.
Na mala... trouxe a tristeza das vielas.

Beijo duma lágrima salgada

Nilson Barcelli disse...

Mais uma boa carta.
Gostei de ler, abraço.

Bia disse...

Vim em busca de nova postagem, e não encontrando fiquei a garimpar as cartas que não tinha lido da primeira vez.

Ao deparar-me com a Declaração de Amor, confesso que senti inveja por não ter sido eu a escrever tal carta. Prendeu-me em laços tão fortes que sentimentos e sensações ficaram ali, revolvendo palavras, aprisionando-as, fazendo-as minhas, tão intensas e tão profundamente sentidas que, ao final, foi como se toda a carta tivesse sido escrita no sabor de minhas emoções.

Grata pelo momento mágico que a leitura de tua carta me permitiu.

Ficam pétalas para enfeitar tua noite, e um beijo no teu coração.

Olhos de mel disse...

Olá! Vim lhe visitar e lhe desejar um bom fim de semana! Fique com Deus!
Bjs

gasolina disse...

Vim espreitar a tua rua.
É que não tenho recebido a visita do carteiro.

Assim deixo um beijo como cartão de visita.

Olhos de mel disse...

Oie Charlie! Como você está? Tenho sentido sua falta. Que sua semana seja maravilhosa! Fique com Deus!
Bjs

gasolina disse...

Eu dou as boas-noites.
Espero que a tua rua tenha sossegado.

Um beijo.

Um Momento disse...

Espreitando...
.oO(onde andará ele??)

Um beijo te deixo...
Até já
(*)

Anônimo disse...

:(

Pensava q ja tivesses postado algo novo...mas como a maoria deves estar/continuar de férias...

Quicas
http://www.quicas007.blogspot.com/

Volto ca qq dia!

teresamaremar disse...

Boa noite

lembrei Gil Vicente :) pelo desfilar de tipos. Outros, dada a modernidade, figuras que todos nós já conhecemos, com que cruzamos diariamente.

Muito curiosa esta ideia das cartas.

Obrigada pela sua visita e pelas palavras deixadas.

Um Momento disse...

Deixo cair um beijo

(*)

Um Momento disse...

Sorrindo... te desejo uma suave e serena noite, deixando um outro beijo...desta vez... Doce

(*)

Menina do Rio disse...

Relendo-te e deixando cair um beijo no calor da noite

CatWorld disse...

essa gente que insulta com palavr~oes não tem educação!as brigas familiares sao para ser mantidas com descrição e as pessoas adoram espalha-las!e ela definitivamente é linda!beijoca!vou-t linkar!

Olhos de mel disse...

Oie lindo! Passando pra deixar beijinhos. Bom fim de semana!

Lia disse...

Viajo sempre sem destino, sem país, sem passado ou futuro, apenas no tempo que passo... e assim sou verdadeiramente livre e desconhecida...

Um beijo

gasolina disse...

Olá

Escrevo-te do Flor para te deixar um beijo e desejos de um fantástico fim de semana.

besitos

Um Momento disse...

Passo para te desejar um lindo e risonho fim de semana
Deixo cair um beijo... em Ti

(*)

anne disse...

Voltei! reler é sempre um prazer. Bjus

Ana F. disse...

Voltei e reparei no dia do teu post...
23/07! Excelente dia!
;-)

Quicas
http://www.quicas007.blogspot.com/

Olhos de mel disse...

Oie, pra deixar uns beijinhos e dizer que tou com saudades dessas maravilhosas cartas.
Boa semana! Fique com Deus!
Beijos

Menina do Rio disse...

Relendo-te pouso meu beijo sobre a carta...

Um Momento disse...

Neste feriado
Desejo um dia lindo
Um beijo soprado deixo
Em ti caindo
(*)

Lumife disse...

Já voltei. Agradeço os comentários. Vamos continuar a postar palavras de outros que desejávamos serem nossas...

e aqui voltarei para ler com atenção as suas cartas.

Um abraço

anne disse...

Escrevo-vos para dizer que cheguei e reli algumas das tuas bonitas palavras, rs. Beijo e voltarei para me deliciar com tuas cartas que são para mim, de grande valor.

Sem_Rosto disse...

Hoje passo para te ofertar algo
Passa no meu canto pf
Um beijo ... bem aí
**

redonda disse...

E não seria altura de uma nova carta?
:)

Charlie disse...

@ SEM ROSTO

Oh minha querida "sem rosto", eu visitar o teu cantinho, até iria visitar, se me indicares o endereço certo. O link que puseste no teu comentário remete para uma quantidade de blogues, interessantes mas todos muito desactualizados.
Podes dizer-me a qual deles o teu pedido de visita se refere?
Aguardo a resposta para dar o saltinho ao teu espaço. ;)

Um Momento disse...

Bom dia :)))
Passo para deixar-te um beijo de bom dia !!!
E já agora ...exprimenta a "conversa da treta" ai na questão que fazes;o)

Beijo Enorme:)))))

(*)

Anônimo disse...

:o)))

http://conversa-da-treta.blogspot.com/

Bom dia e um beijinho

Sem_Rosto

sashacores disse...

Adorei ler estas cartas!

Convido-te a ires a www.sashacores.wordpress.com

Beijinhos
Clitie